Raiva e mulheres


É hoje eu estou com raiva.
Tudo começou por palavras desagradáveis
que entraram pelos meus ouvidos e me fizeram perder a noção.
Perder a minha noção porque eu acho que você perdeu os escrúpulos.
É meu bem, você é tão mole, tão vítima que eu cansei!
E não se esqueça da ingratidão e do demérito.
Você trabalha? Eu também e dou conta de mais um pouco.


Cansada de uma pessoa que não participa e quer ser o centro das atenções.
É a vida não é só sexo, comida e futebol.
Se é assim case com seu amigo e transe com ele.

Não eu não sou louca!
Eu fiquei louca!

Louca por sempre me sentir culpada e quer saber?
Eu sempre tentei mudar.
E olha você!

Muito obrigada por me tornar uma pessoa melhor e
menos egoísta.
Mas acho que fiz mal pra você.
Porque olha sua zona de conforto!

Vou quebrar o prato sim, para não quebrar a sua cara!
Pegue suas coisas e se manda.
Não aguento mais você.

Agora quem vai mudar é você.
Se quiser ficar.
Mudar para o cara que eu conheci ha anos atrás.
Esqueceu?

Eu continuo aqui tentando ser gostosa e você
com pança de cerveja.

E a louca sou eu?

O século mudou,
Eu produzo mais.
Mudei.
E agora será mais justo.

Ou muda ou tchau!
Eu vivo bem sozinha.


2 comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Quando fui insuficiente e suficiente fui

Amor fechado

Amor a primeira vista