Declamando Poeta, quem és ?


Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Quando fui insuficiente e suficiente fui

Ao meu sinal

Pobre do amor