Postagens

O que eu quero

Os anos que se passam  me mostram o quanto eu devo me preocupar menos com os buracos que o viver me da e valorizar a vida no sentido literal, os laços e os corações.
Pouco importa a louça, a bagunça e os erros. Deus não se importa com erros, mas com a vontade acertar.
A plenitude de um caminhar que tem como intenção, não o medo de se machucar, mas o medo de ferir. Aliviando o mundo do seu imã que traz tudo pra si e pouco pro outro.
Um Pai quer que o filho caminhe, mas Ele permite cair para que valorizemos o andar.
Nada é mais importante que o amor e o perdão.
Nada faz mais falta que a paz.
Entendo hoje que somos todos fracos. Fracos na fé, fracos com nossos pensamentos e atitudes.
Só nosso Deus não é fraco. Estar verdadeiramente com Ele não é apenas um ato de fé e contemplação. É proteção e cura. Quando você tem Deus você toma diariamente uma dose contra seu desejo de se autotrair com julgamentos, atitudes e pensamentos negativos. Com Deus podemos alcançar muitos impossíveis como perd…

Sagrado

Tenho pensado muito sobre a conquista do sagrado. Hoje quase nada é mais sagrado na nossa vida. O amor e a presença na vida da familia por exemplo ou valores morais e éticos. É raro se deparar com alguém que é extremamente correto com suas dividas, impostos, em suas relações sociais, que não ofendem, que não fazem fofoca, que não sintam desejo desumano pelo poder, que não traem as pessoas e que não se  traem. Me pergunto se as pessoas sabem realmente quem são.  Pensando nisso me coloquei na condição de saber qual é o meu valor? Porque se eu não tenho uma condição "sagrada", onde se atingem valores morais e éticos de forma conservadora ( no sentido de não querer cometer erros graves e/ou constantes)... qual é o meu valor ? É claro que é quase hipocrisia querer chegar a uma perfeição. Mas, as pessoas pensam mais em colocar o dedo na cara do outro do que se avaliar. Fazemos bem isso com politicos, mas será que você na mesma posição não se venderia? Não se venderia a um personag…

Aquele textão

Eu me lembro quando tinha 5 anos que eu queria ajudar minha mãe lavar louça e ela não deixou, por medo que eu me machucasse ou fizesse bagunça e minha vó com aquele tom de "eu sei do que estou falando", com muita sabedoria disse: Deixa a menina, porque melhor ela gostar de fazer agora do que quando chegar na adolescência e não querer encarar a tarefa.
Como minha avó sabe disso? Claro que teve experiência de vida. Hoje eu prefiro não mais negar o velho, as pessoas idosas e afins. Ja ouvi muitas pessoas dizendo que no seu tempo tudo era melhor. E de fato se existe algo nesse passado de bom é que se consertavam as coisas e tudo durava passando pelo muitas vezes violento e desgastante tempo. Só que o tempo ensina... nos da uma armadura forte e de alunos vamos nos tornado professores, mestres e phds.
No auge dos meus 28 anos aprendi que não é por acaso que somos chamados de pecadores e que reconhecer a própria miséria é importante. Tudo isso porque errar com o outro ou consigo me…